Posts Tagged ‘Esportes’

Premonição?

29 de junho de 2010

Estive dando uma olhada em diversos sites/blogs ultimamente, tentando me inteirar do mundo brasileiro do marketing (haja vista estou voltando daqui do Canadá em 2 meses) e me deparei com isso aqui:

Olha a confiança!

E agora, Pão de Açúcar? E, mais importante, como reverter esse deslize?

Se eu fosse um competidor, já responderia: ‘Se nem em nossa seleção eles acreditam, o quê dizer dos consumidores?’. E você?

Fonte: http://www.mundodomarketing.com.br/115,blogs,erros-de-marketing

Lusa campeã!

22 de janeiro de 2010

Devo dizer que o post abaixo feito pelo Davi, sobre a ausência de patrocínio em uma camiseta de futebol, me deixou bastante satisfeito, pois envolve duas de minhas paixões (e não, não é a camiseta do Corinthians): Futebol e Marketing. O mais bacana foi que, inesperadamente, a querida Portuguesa (o quarto time de São Paulo – basicamente o time de todo mundo, quando o principal não está legal) inovou, apresentando, juntamente com seu novo terceiro uniforme, o conceito de realidade aumentada para o futebol.

Agora vai!

(more…)

Tornar-se conhecido sem mostrar sua cara

21 de janeiro de 2010

Não, o foco aqui não são as belas "hermanas" mas sim o patrocinador - ou a ausência dele.

Banco Hipotecário Nacional, conhece ?? Pois é, eu também não conhecia até semana passada.  E o mais curioso é que eu não passei a conhecê-lo por ver sua marca estampada em algum lugar, muito pelo contrário, foi a ausência da marca impressa que fez com que eu e muitas outras pessoas passássemos a conhecer este banco. Vou explicar.

(more…)

Quer dar um nome pra minha casa?

10 de novembro de 2009

StamfordBridge3

Em Junho de 2003, quando Roman Abramovich tornou-se dono do clube inglês Chelsea FC, ele certamente via aquilo como uma forma interessante de variar seus investimentos, que se concentravam basicamente na indústria petrolífera.

Muitos milhões de euros foram investidos no Chelsea para tornar o time vencedor e a marca internacionalmente reconhecida. No entanto, parece que o investimento está se revelando um “mico” e já há rumores de que o magnata russo esteja  interessando em vender o clube.

Atualmente a dívida do Chelsea FC é de aproximadamente € 780 milhões e alguns números demonstram que os estrategistas dos Blues podem ter deixado de lado alguns fatores importantes ao longo prazo, e isso muito tem a ver com a arena Stamford Bridge. O estádio só tem capacidade para 42 mil pessoas, enquanto o estádios de Arsenal, Manchester United, Tottenham (este ainda em construção) e Liverpool (projeto para o novo estádio) comportam respectivamente 60 mil, 75 mil, 58 mil e 70 mil torcedores.

Deste modo, o Stamford Bridge gerou na temporada 07/08 aproximadamente € 80 milhões, enquanto o Arsenal obteve € 105 milhões com o Emirates Stadium. E exatamente do Emirates Stadium pode pintar a solução para rechear um pouco mais os cofres dos Blues.

O Arsenal FC vendeu em 2006 o direito de naming do seu estádio para a Emirates Airlines por dez anos, recebendo um total de € 100 milhões, € 10 milhões anualmente. Seguindo a estratégia de naming, o Chelsea anunciou que pretende fazer a concessão do nome do seu estádio para quem estiver disposto a pagar € 165 milhões para os próximos 15 anos.

Naming em estádios de futebol começou a ser usado por clubes alemães no começo da década e hoje a prática começa a se espalhar pela Europa, onde o futebol é tratado como business há muito tempo.

Fonte: futebolfinance.com